Capa Blog.png

A Sabedoria de Fazer o Melhor

A proposição do entendimento dos caminhos da sabedoria está na nova publicação do Canal O Saber em Pauta (talvez não tenha visto, ou se quiser rever o vídeo, clique aqui).

O interessante é que atribuímos um caráter meio mítico à ideia da busca da sabedoria, como se fosse prerrogativa daqueles sábios eremitas e pouco sociáveis, que conhecemos em filmes e histórias que povoam nosso imaginário. Nesse caminho, geralmente, entendemos a sabedoria como algo inalcançável, ou – o que é pior – pouco atrativo para se buscar.

O que a publicação do Canal nos mostra é a ideia de busca de sabedoria vinculada a alguns conceitos que devem fazer parte dos nossos rumos de desenvolvimento pessoal: o alcance do aprimoramento; a capacidade de superação; o desenvolvimento da consciência crítica e analítica de nossos comportamentos e ações; e o estabelecimento de um sistema bastante interessante a compor nossas trilhas: ação-reflexão-ação.

Todo movimento está fundamentado em uma ação qualquer... o sistema tem o seu início bem demonstrado.

O que vem a seguir é o trabalho, nem sempre praticado e valorizado, de estabelecimento dos processos reflexivos às consequências dessa ação. É o simples pensar no que se faz. Como foi? Quanto se despendeu de energia e/ou de investimentos? Quanto alcançou? Foi satisfatório? Modificou positivamente as realidades?... Deve, aqui, surgir tantos questionamentos.

E esses questionamentos vão propiciar o outro polo do sistema: a revisão ou o estabelecimento de novas ações, que busquem o aperfeiçoamento constante de o quanto fazemos.

O caminho de busca de uma melhor qualidade às nossas ações está relacionado, direta e continuamente, com o desenvolvimento da sabedoria em relação ao que pretendemos ser e fazer.




2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo